CICLOVIAS NO RIO E BICICLETADA EM POA

A Ninki do BLOG DA BICICLETADA postou fotos sensacionais da bicicletada que aconteceu em Porto Alegre no último sábado. Confira aqui! ;)

Infelizmente, por pura falta de tempo em apenas 12 dias de viagem (dos quais um e meio foram dedicados às compras da mulhegada para a festança dos 15 anos da Ingrid, minha sobrinha) e mais um dia e meio para pelo menos 70% dos fantásticos museus da Cidade Maravilhosa, de uma breve passada por Ipanema, infelizmente não vai dar pra gente ir a nenhum boteco nem roda de samba, seja no botequim do Martinho da Vila no Iguatemi de Vila Isabel, seja na Mangueira (a barra anda muito pesada por lá e meu cunhado não tem tempo de levar a gente lá).

Não vai rolar visita ao Museu da Imagem e do Som, nem ao MAM na Glória, ao MAC em Niterói ou ao Centro Cultural Hélio Oiticica no Centro.

Também não vai rolar Cobal do Humaitá nem Lapa. O Rio é bonito e grande demais. As férias da minha Lu são curtas demais, o dinheiro está curto demais e o bicho vai pegar no mestrado na volta (estou matando duas semanas de aula da disciplina hiperclomplexa de Semiótica e uma da hipergratificante disciplina de Cidadania).

Enfim… Na falta de bicicleta disponível e de tempo pra curtir com calma um passeio de pedalinho (uma charrete aberta com teto para duas pessoas pedalarem lado a lado) no Aterro do Flamengo ou em Copacabana, ao menos vimos um exemplo de qualidade de vida neste caótico trânsito carioca (se POA e Sampa são insuportáveis cada uma à sua maneira, aqui não poderia ser diferente): DEZENAS DE QUILÔMETROS DE CICLOVIAS!!!

Por exemplo: do Aterro do Flamengo (linda vista da Baía de Guanabara e de Niterói) até o Leblon (o morro Dois Irmãos, a Pedra da Gávea), passa-se por Botafogo (Pão de Açúcar), Urca (muito perto da marina e dos fortes do exército em um bairro pacato e seguro), Copacabana e Ipanema. Isso deve dar pelo menos uns 8 a 10 Km.

O perímetro da Lagoa Rodrigo de Freitas mede exatamente 7,5 Km. Mais adiante, na gigantesca Barra da Tijuca que se une ao Recreio dos Bandeirantes, também deve dar algo entre 8 e 10 Km.

Enquanto isso, temos um RIDÍCULO caminho dos parques, pouquíssimo utilizado pelos ciclistas porto-alegrenses e visto com escárnio pelos maus motoristas…

Anúncios
Sobre

Prof. M.S. @heliopaz | @unisinos | @comdig | @agexcom | @jetunisinos | @cultdigitalunis | @gremiosempre | http://bitly.com/tNhPU3

Marcado com:
Publicado em ATIVISTAS
7 comentários em “CICLOVIAS NO RIO E BICICLETADA EM POA
  1. Helio!

    Fico no aguardo…estou sem PC, entro qdo dá..mas sigo conectado! abraços!

  2. ninki disse:

    Helio

    primeiro valeu pela divulgação da BICICLETADA, estas convidado pra próxima, ok? a idéia é fazer uma todo último sábado do mês…
    quanto ao Caminho dos Parques, vou ver se faço um post contando a “história” de como surgiu… ou seja já nasceu fadado a morrer.
    Se vc quiser acrescentar algo sobre o novo Plano Cicloviário, no seu post sobre mobilidade me avise, tenho algum material interessante aqui.
    amei a fotos, deu até vontade de viajar…

    já compraram as bikes???

    abraços, ninki

  3. Oi Hélio, bacana esse olhar do trânsito somos todos nós. Estou exatamente agora fechando uma atividade didática para um curta (Cachorro Louco) e as estatísticas em todos os sentidos assustam, talvez vá ao ar no final de semana, depois vc pode dar uma olhadinha e se quiser ver o curta este é o endereço (e vai ser também o da seqüencia didática http://www.portacurtas.com.br/Filme.asp?Cod=1783
    Eu acho que não tem lugar nenhum no mundo onde o trânsito seja mais caótico que Sampa, por inúmeras razões, aqui entra mais carros em circulação por dia que nascem bebês, não há espaços para ciclistas e mesmo assim nos bairros mais pobres (onde eu moro a bicicleta, dirigida por mães, pais (e seus filhos na garupa) e adolescentes competem com carros e ônibus em uma avenida apertada de mão dupla e tráfico intenso em todos os horários e a gente reza pra o pior não acontecer, mas acontece, eu já vi, nos dez anos que moro no Rio Pequeno, (o bairro tem 300 mil habitantes) mais de dez atropelamentos, fora os que não presenciei.
    No Brasil, nós matamos no trânsito 200 pessoas por dia e ferimos mais de 400 mil… é questão de saúde pública e ninguém se mobiliza. Eu estou cansada de escrever para o CET para proteger as vias com escolas (nos bairros periféricos as crianças andam sozinhas, e como toda criança, brincam e correm riscos, nem calçada decente tem pra elas) e a CET virou mexeu amplia o perigo para elas, mudando curso de vias. Um horror sem tamanho, já vi cenas terríveis, nem faixa para pedestres respeitam quem dirá velocidade em área escolar. Recebo às vezes cartas dizendo que não podem pôr lombadas em vias expressas (embora elas tenham escolas públicas). Eu por mais que pense e tente buscar saídas, acho que Sampa está fadada a sucumbir.

    PS. 2) Eu tô sentido falta da blogosfera independente responder a imprensa tradicional na abordagem da dengue no Rio, já cobrei isso da Conceição Lemes, acho que é preciso ter o outro discurso, pois o que se vende é que Temporão não fez nada…

  4. […] proveitosos e gratificantes: pude dar-lhes uma palhinha nos três posts anteriores (aqui, aqui e aqui). Mas muito mais vem por aí: só de fotos foram mais de 2100. Os álbuns estão devidamente […]

  5. Hélio Sassen Paz disse:

    Fala, Álvaro!

    Fico muito contente com as tuas decisões pessoais rumo ao teu aperfeiçoamento profissional. Essa maturidade e esse foco faltam em muita gente mais velha do que tu nesse período da faculdade. PARABÉNS!!! :D

    Brigadão pela resposta. Eu ainda preciso ver com a profa. Suely Fragoso (minha orientadora) e com o prof. Efendy (da disciplina de Cidadania) uma bibliografia que me leve a elaborar um questionário acurado em relação àquilo que pretendo descobrir.

    Por enquanto, agradeço a tua disponibilidade. Adianto que não há nada de secreto nem de íntimo e que todos os créditos serão dados, bem como os pedidos de sigilo dos entrevistados serão rigorosamente respeitados.

    Sigamos nos lendo e comentando! Assim que tiver alguma definição, prometo que entro em contato!

    []’s,
    Hélio

  6. Hélio!

    Vi teu recado no SIVUCA. Estou INTEIRAMENTE a disposição para colaborar…Estou escrevendo e lendo muito. Levei a sério teu conselho e agora estou fazendo um curso de francês, e tão logo termine o jornalismo, parto para História. Se houver alguma maneira em que eu possa colaborar mais efetivamente com tua pesquisa, estou a disposição, pois entendo que é uma ótima oportunidade de aprendizado. Não deixe de me responder. Abração

  7. Temos esse ridículo “Caminho dos Parques”, que só existe em domingos e feriados, e ainda por cima não é respeitado…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

page views
  • 309,080 (d. 12/05/2006)
Free hit counter estatísticas heliopaz.wordpress
comentários
Suzimary em PIRÂMIDE DO CAPITALISMO (…
Ivo Antônio Barra em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
maison pereira lima em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
Francisco Reginaldo… em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
Francisco Reginaldo… em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
%d blogueiros gostam disto: