RESPONSABILIDADE SOCIAL NOS CLUBES DE FUTEBOL

Vou ampliar e corrigir os comentários que fiz nos blogs GRÊMIO IMORTAL e GRÊMIO ACIMA DE TUDO sobre a TIMEMANIA.

Sou contra a Timemania porque clube de futebol não merece ajuda do Governo. Má gestão, sonegação de impostos, tráfico de influências e corrupção volta e meia rondam os grandes clubes – uns mais, outros menos. A quem nunca recorreu a esses subterfúgios ou pelo menos aprendeu e deixou de proceder de maneira suspeita, meus sinceros parabéns.

Clube de futebol deveria ter os mesmos direitos e obrigações que as empresas possuem. O pouco que se tem na atualidade é a responsabilização dos dirigentes. Mas isso é pouco: eles podem pôr tudo em nome de laranjas para não terem que tirar do próprio bolso.

Para o tamanho do orçamento anual, os grandes clubes de futebol (salvo raríssimas e honrosas exceções) geram pouquíssimos empregos. Devido à enorme massa de torcedores, deveriam justificar tamanha paixão retribuindo com uma política séria de RESPONSABILIDADE SOCIAL, SUSTENTABILIDADE AMBIENTAL, CIDADANIA, EDUCAÇÃO e CULTURA. Por enquanto, contribuem apenas com lazer, consumo e impostos – o que considero muito pouco.

Garanto que os clubes de futebol obteriam patrocínios de uniforme e venda de espaços publicitários em seus estádios, bem como poderiam negociar por um valor muito mais alto os direitos de transmissão de suas partidas em várias mídias (rádio, TV aberta, TV a cabo, internet, celular, etc.) caso agissem em conformidade com os valores éticos, sociais, políticos, culturais, educacionais, de saúde e de simbiose do homem com o meio ambiente através de uma visibilidade e de uma valorização de marca potencializadas no mundo inteiro caso resolvessem proceder assim.

Todas as noções de garra, força, técnica, talento, criatividade, esforço, superação de adversidades, defesa de seus interesses, trabalho em equipe, respeito, amizade, solidariedade e a necessidade de ser honesto, dedicado e de estar antenado para a realidade geral do futebol e da sociedade para ser um bom jogador, além da comunhão de emoção, afeto e energia positiva que milhões de torcedores oferecem voluntariamente a seus clubes deveriam ser potencializadas sob a forma de clubes sociais não-elitistas e populares, com a oferta de oficinas de arte, escolinhas esportivas sem o objetivo de lucrar com a formação de profissionais (seria uma atividade à parte do futebol) e atrairia a família inteira, dos 0 aos 127 anos.

Isso gera empatia, faz a imagem de marca crescer, reduz radicalmente ódio, antipatia e desrespeito por parte de simpatizantes adversários e por parte de quem não gosta de futebol e, sobretudo, amplia a quantidade de consumidores, torcedores e associados.

Por que uma pequena empresa ou um profissional liberal, que contribuem social e economicamente muito mais com o município, com o estado e com a nação arcam com as conseqüências de seus atos e os clubes de futebol não?!

O Brasil não tem um povo mal educado e que busca obter vantagem em tudo por acaso: afinal de contas, essa mentalidade, tão criticada pelos cidadãos “de bem” das classes A e B vem de cima para baixo. Quem sonega impostos, é consumista e só pensa em si e nos seus são os grandes responsáveis pelo tráfico de influência, pela sonegação, pela corrupção e pela violência urbana.

O alcance popular dos clubes de futebol deveria exigir deles e de seus dirigentes (a maioria deles empresários, profissionais liberais, executivos e magistrados) uma atuação social significativa. Os clubes de futebol, com a Timemania, estão recebendo um presentão totalmente imerecido, pois não agem como instituições inseridas no contexto da sociedade civil organizada.

Do contrário, eles irão repetir os mesmos erros ad eternum. Eles e o Governo.

O GRÊMIO é muito grande e é uma paixão que cada gremista encara como bem entende. Cada indivíduo tem a sua própria interpretação a respeito do que representa e significa um clube de futebol para si e para a sociedade. No entanto, nem o TRICOLOR DOS PAMPAS e nenhum outro clube está acima da lei. E, ao contrário do que muitos pensam, eles não devem existir apenas para a sua atividade-fim, o futebol profissional, nem tampouco para ser apenas uma forma de lazer para a população e uma fonte de lucro através do consumo racional ou do consumismo dos produtos que significam essa paixão: eles deveriam enxergar a si mesmos como parte integrante de cidades, estados, países e continentes multiculturais que, não-raro, são a única referência de grandeza, de progresso, de alegria, de sucesso e de história para milhões de adeptos.

Não quero que os clubes de futebol façam como a mídia corporativa, que procura tomar para si as funções delegadas aos governos. De qualquer forma, eles estão muito mais próximos da população do que o poder instituído.

Blogged with the Flock Browser

Tags: , , , , , , , ,

Anúncios
Sobre

Prof. M.S. @heliopaz | @unisinos | @comdig | @agexcom | @jetunisinos | @cultdigitalunis | @gremiosempre | http://bitly.com/tNhPU3

Marcado com: ,
Publicado em ATIVISTAS
Um comentário em “RESPONSABILIDADE SOCIAL NOS CLUBES DE FUTEBOL
  1. Otimo blog parabens!
    Acredito ser de utilidade
    Podem inclusive postar videos e colocar em seus blogs
    indico este site http://www.videos.zigbr.com
    com varios videos de jogos
    obrigado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

page views
  • 309,065 (d. 12/05/2006)
Free hit counter estatísticas heliopaz.wordpress
comentários
Suzimary em PIRÂMIDE DO CAPITALISMO (…
Ivo Antônio Barra em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
maison pereira lima em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
Francisco Reginaldo… em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
Francisco Reginaldo… em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
%d blogueiros gostam disto: