[CAN’08] MALI É MALI!

Mali FA.gif
Atenção Nigéria, Benim e Costa do Marfim no grupo B, o “grupo da morte”: muito cuidado com o Mali de Kanouté, o homem-gol que divide as honras de estufar as redes dos adversários do seu Sevilla junto com o brasileiro Luís Fabiano. O histórico malinês na CAN acumula um vice-campeonato (1972) e três quartos lugares (1994, 2002 e 2004).

Essa última boa participação do Mali em uma fase final (2004), na Tunísia, mostrou o embrião de um time que, atualmente, possui cinco jogadores atuando com destaque em clubes de primeira linha na Europa e também a base da seleção olímpica que fez bonito em Atenas 2004, quando terminou em 1º lugar em seu grupo. Só parou nas quartas-de-final porque perdeu para a forte Itália de Pirlo, Gilardino, De Rossi, Barzagli e do técnico Claudio Gentile.

Nesse ano de ouro para o futebol das Águias, terminou invicta a 1ª fase da CAN, onde conquistou a primeira colocação do grupo B com 7 pontos. Confere a campanha:

3×1 Quênia (Sissoko e Kanouté duas vezes)
3×1 Burkina Fasso (Kanouté, Diarra e Soumaila Koulibali)
1×1 Senegal (Dramane Traoré)

Quartas-de-final:
2x1Guiné (Kanouté e Diarra)

Semifinal:
0x4 Marrocos

Decisão do 3º lugar:
1×2 Nigéria (Dramane Traoré)

Mas nem tudo foram flores: diante desse retrospecto, o Mali era favorito para conquistar uma das cinco vagas africanas para a Copa da Alemanha. Contudo, perdeu em casa para o Togo, o que gerou muita revolta e um dramático estado de comoção nacional.

Superado o trauma, Mahamadou Diarra (Real Madrid), Seydou Keita (Sevilla), Mohamed Sissoko (Liverpool), Frédéric Kanouté (Sevilla) e Dramane Traoré (Lokomotiv Moscou) são os caras que podem até levar o Mali a fazer história.

O atual comandante desse time é o francês Jean-François Jodar, de 58 anos. Ele foi um zagueiro conhecido na década de 1970 em seu país, quando defendeu os Bleus em seis partidas entre 1972 e 1975. Atuou no Stade de Reims, no RC Strasbourg e no Olympique Lionnais sendo que, naquela época, apenas o Reims podia ser considerado “grande”.

Como técnico, trabalhou durante muito tempo nas seleções de base da França (1988-2002) antes de partir para o exterior: em 2002/2003, treinou a seleção SUB-20 dos Emirados Árabes. De fevereiro a junho de 2004, assumiu a seleção principal desse mesmo país do golfo Pérsico e está na seleção de Mali desde 2006.

Blogged with Flock

Tags: , , , , , , , , , , , ,

Anúncios
Sobre

Prof. M.S. @heliopaz | @unisinos | @comdig | @agexcom | @jetunisinos | @cultdigitalunis | @gremiosempre | http://bitly.com/tNhPU3

Marcado com:
Publicado em ATIVISTAS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

page views
  • 309,065 (d. 12/05/2006)
Free hit counter estatísticas heliopaz.wordpress
comentários
Suzimary em PIRÂMIDE DO CAPITALISMO (…
Ivo Antônio Barra em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
maison pereira lima em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
Francisco Reginaldo… em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
Francisco Reginaldo… em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
%d blogueiros gostam disto: