GRÊMIO: presente e futuro imediato

Na chata política clubística, tudo já está definido para o próximo ano na presidência e nos próximos três anos para o CD. Esse é um assunto do qual só é necessário falar quando o clube corre riscos. No frigir dos ovos, é como democratas e republicanos: as inimizades são veladas e a ideologia é a mesma, tornando acusações quase como se fossem meros jogos de cena. A despeito disso, o importante é que tudo seja fiscalizado, transparente. Espero que a situação faça seu trabalho sem canetaços, sem autoritarismo, sem drama, sem frescura e sem choro. Espero sempre que haja sempre espaço para uma oposição crítica, construtiva, atuante, observadora e investigativa. Como sócio e como torcedor, isso é o que importa.

Quanto ao time, este é um problema sério e grave: O GRÊMIO é um time muito fraco. Muito ruim tecnicamente. Há carência não apenas financeira como justificativa mas, sobretudo, incompetência e falta de criatividade para garimpar jogadores jovens de boa índole e carga emocional suficientemente forte para segurar o rojão de uma temporada inteira.

Voltando ao Brasileirão 2007, dificilmente cito outros comentaristas gaúchos, mas, desta vez, hei de concordar com o que David Coimbra e Paulo Sant’Anna escreveram nos seus respectivos blogs recentemente.

O Guga do Alma da Geral postou ontem, antes do jogo, um prognóstico. Pessoalmente, concordo com a maioria dos palpites dele. Mas o pouco que diferencia o que eu ache que vai acontecer com o time A ou com o time B em relação a ele não muda o principal: o TRICOLOR DOS PAMPAS está fora da Libertadores.

Em um churrasco no mês de maio, eu afirmei, junto a um grupo de amigos de infância que o time do GRÊMIO de 2006 era bem melhor do que o de 2007. O Luquinha rebateu, mas aquilo era maio e a Libertadores era a enganação da hora, que dificultava uma observação mais criteriosa daquilo que Mano Menezes tinha em mãos.

Depois que Lucas, Lúcio e Carlos Eduardo Foram para a Europa, ficamos sem time. Esses três jogadores eram, junto com o remanescente Diego Souza (que não deverá ficar ano que vem), as únicas chamas acesas em um plantel de madeira molhada.

Meus sinceros parabéns à regularidade do Palmeiras, à parcimônia do fraco time do Santos que não se acovarda fora de casa nem quando joga mal e perde feio e à espetacular arrancada do Flamengo, o time mais empolgante do Brasil nas últimas 10 rodadas.

E que o 2008 tricolor seja repleto do sucesso possível que nossos parcos recursos poderão nos proporcionar.

Puxar o que há de melhor das categorias de base e criatividade com critério nas contratações deveriam virar mantra no Olímpico.

Blogged with Flock

Tags: , , , , ,

Anúncios
Sobre

Prof. M.S. @heliopaz | @unisinos | @comdig | @agexcom | @jetunisinos | @cultdigitalunis | @gremiosempre | http://bitly.com/tNhPU3

Marcado com: , , ,
Publicado em ATIVISTAS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

page views
  • 309,581 (d. 12/05/2006)
Free hit counter estatísticas heliopaz.wordpress
comentários
Suzimary em PIRÂMIDE DO CAPITALISMO (…
Ivo Antônio Barra em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
maison pereira lima em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
Francisco Reginaldo… em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
Francisco Reginaldo… em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
%d blogueiros gostam disto: