Inquietações sobre Política no Brasil

Política requer assertividade. Política requer conhecimento de causa sobre um determinado assunto ou uma rede de contatos fiel, solidária, confiável e sempre presente, capaz de debater e de levar as demandas nas quais acreditamos para o conhecimento de uma parcela maior da sociedade, com o objetivo de obtermos adesão e aprovação às nossas reivindicações. Política requer engajamento, mesmo que este engajamento não seja permanente.

Todavia, política não exige cumprimento de promessas, compromisso incondicional com causa, com classe ou com ideologia alguma e tampouco exige coerência e firmeza. Afinal de contas, mesmo aqueles indivíduos supostamente mais “retos” são capazes de vergar a espinha ou de fazer outros vergarem se os fins justificarem os meios. De maneira geral, seja na esquerda, seja na direita, o que importa é ser visto como o representante mais legítimo e mais capaz de atender a um determinado grupo ou a uma determinada causa.

Dadas essas visões estritamente pessoais a respeito da política como um todo, me interessa acompanhar, verificar, comparar e participar de processos políticos. A boa política é aquela que atinge o seu objetivo, seja ele pessoal ou coletivo.

No entanto, eu, Hélio, acredito que deveRIA ser objetivo sine qua non da existência da política o cumprimento de promessas, a transparência nas propostas, a prestação de contas freqüente e sistemática para o eleitorado e, acima de tudo, buscar suprir prioritariamente as demandas daqueles que mais precisa, pois são estes os menos preparados para darem-se conta de como conduzir suas próprias vidas de maneira que a sua realização pessoal venha a partir da concretização da sua parte dentro de uma coletividade ampla e, de preferência, não-classista.

Todavia, nenhum político jovem, inexperiente ou advindo de um determinado conjunto de entidades sociais, empresariais, governamentais ou de outras naturezas classistas e comunitárias tem condições de abraçar a totalidade ou a maioria do eleitorado. Isso vale tanto para ser síndico de um prédio como para ser presidente da república; para ser líder de turma no colégio como para ser presidente da FIFA. Estabelece-se aí a distinção e a segmentação que sustentarão através da competência do discurso que o candidato domina justamente por fazer parte desse meio ao qual deverá, em primeira instância, declarar-se representante único e legítimo.

Seja por uma questão meramente mercadológica (o mais bonito, o mais rico, o mais bem relacionado, o mais bem vestido, o mais forte fisicamente, o mais famoso, o de maior exposição midiática, o que consegue trazer consigo a maior quantidade de verbas para a campanha, etc.), seja por meritocracia (ir crescendo dentro do partido em função de sua coerência e OBEDIÊNCIA ao programa) ou, ainda, por oportunidade (estar no lugar certo, na hora certa e com as pessoas certas), a retórica e o jogo de cena da midiatização fazem com que seja cada vez mais natural o político ser vendido como um produto.

O espaço público não é mais a praça, o palanque, a rua nem tampouco o estádio. O espaço público, de discussão política, é, de fato, a tela da televisão, o alto-falante do rádio, o texto e as fotos de jornais, revistas, outdoors, camisetas, panfletos e web sites.

Todo o conteúdo emitido pelos políticos é editado pela mídia de maneira que o enunciado venha a traduzir a visão dos mantenedores e fundadores de uma visão social e mercadológica hegemônica abarcada pelos patrocinadores dessa mídia.

Embora isso pareça demasiadamente frankfurtiano e determinista, nem a mídia é suficientemente eficaz para manipular e persuadir o pensamento e a visão do receptor-consumidor, nem esse consumidor-receptor é suficientemente passivo e incapaz de pensar de uma maneira avessa àquela produzida pela mídia.

Blogged with Flock

Tags: , , , , , ,

Anúncios
Sobre

Prof. M.S. @heliopaz | @unisinos | @comdig | @agexcom | @jetunisinos | @cultdigitalunis | @gremiosempre | http://bitly.com/tNhPU3

Marcado com: ,
Publicado em ATIVISTAS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

page views
  • 309,065 (d. 12/05/2006)
Free hit counter estatísticas heliopaz.wordpress
comentários
Suzimary em PIRÂMIDE DO CAPITALISMO (…
Ivo Antônio Barra em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
maison pereira lima em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
Francisco Reginaldo… em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
Francisco Reginaldo… em E-MAILS DOS MINISTROS DO …
%d blogueiros gostam disto: